terça-feira, julho 12, 2005

Coisas das pessoas – “fatal error”

Há gente que não suporta estar errada. Que se lixem esses todos.

5 Comentários:

Às 12 julho, 2005 14:34, Blogger maria borboleta disse...

aceitar que se errou é de facto muito difícil...é uma virtude ser capaz de o fazer...mas também o é aquele que aceita os erros dos outros com um sorriso nos lábios!

 
Às 13 julho, 2005 12:16, Blogger Arroz de Estragão disse...

Saber fazer isto é muito daquilo que eu acho que é o amor e, mais, faz das pessoas homens e mulheres.

Se fosse fácil, também não havia critérios de selecção ;-)

Ah, e quanto a ti, sei que tens a capacidade de aceitar os teus erros; sei-o porque já vi, Srª mulher. ;)

 
Às 13 julho, 2005 16:38, Anonymous Anónimo disse...

Acho que o pior são aquelas pessoas que sabem que tão erradas, que dizem que estão erradas e que depois amuam de uma tal maneira que pra tirar uma palavra daquela boca é preciso um saca-rolhas...

A maior virtude é aceitar o nosso erro e demonstrar que o aceitámos, isso é o principal.


PS: Percebo-te bem Arroz.

Tripas

 
Às 13 julho, 2005 16:40, Anonymous Anónimo disse...

Acho que o pior são aquelas pessoas que sabem que tão erradas, que dizem que estão erradas e que depois amuam de uma tal maneira que pra tirar uma palavra daquela boca é preciso um saca-rolhas...

A maior virtude é aceitar o nosso erro e demonstrar que o aceitámos, isso é o principal.


PS: Percebo-te bem Arroz.

Tripas

 
Às 17 julho, 2005 19:01, Blogger Arroz de Estragão disse...

Ás vezes, as pessoas até fazem por se manter erradas. Viro-lhes as costas.

 

Enviar um comentário

<< Home